Notícias

22/8/2018 - Wilson Sons publica inventário de emissões de gases de 2017

O Grupo Wilson Sons publica pela quinta vez o inventário de emissões de gases de efeito estufa (GEE), seguindo a metodologia do Programa Brasileiro do GHG Protocol. O documento, relativo às operações da companhia em 2017, foi apresentado na última quarta-feira (15/8). Ao todo, 140 empresas participaram da iniciativa este ano e são consideradas membros do programa.

Em 2017, em relação ao ano anterior, foi registrada redução de 2% das emissões. Foram emitidas no ano passado, por todas as empresas da companhia, 62.096 toneladas de CO2e, unidade padrão das emissões de gases de efeito estufa.

O inventário da Wilson Sons é qualificado como Selo Prata, devido ao reporte completo de suas emissões. Este abrange a participação societária das empresas Allink, WSUT e o consórcio da Baía de São Marcos. O grupo está entre os primeiros do setor naval e portuário no Brasil a adotar a metodologia desde 2014, ano de publicação do seu primeiro inventário.

“O Programa GHG Protocol no Brasil foi iniciado em 2008, portanto, hoje temos uma década de aprendizados e evolução nos relatos de emissões no país. É uma iniciativa que fortalece as discussões sobre a redução do uso de fontes de energia não renováveis, ao estimular a transparência das informações pelas empresas”, afirma a especialista em meio ambiente da Wilson Sons, Camila Pereira Felipe.


Fonte: BIOMASSA E BIOENERGIA