Notícias

10/4/2016 - Eadi Suape recebe licença para operar cargas controladas pelo Exército

A Estação Aduaneira de Interior (Eadi) Suape, da Wilson Sons Logística, já pode armazenar produtos controlados pelo Exército. A unidade obteve licença para armazenar até 226 toneladas de nitrato de amônio, substância base usada em indústrias de fertilizantes, explosivos, herbicidas, inseticidas, absorvente para óxidos de nitrogênio, óxido nitroso, dentre outros. A licença foi emitida após vistoria e tem validade de dois anos.

“O sucesso deste credenciamento é fruto do esforço de toda equipe, além de todo investimento de adequações físicas, conforme a legislação (R-105), separando, inclusive, área específica para receber os produtos de anuência do Exército", explica o gerente da Plataforma Nordeste da Wilson Sons Logística, Alielton Villas Boas.

O gerente conta ainda que os colaboradores recebem treinamento para lidar com o recebimento, armazenagem e expedição de produtos químicos, incluindo o nitrato de amônio. “A capacitação de nossa equipe é essencial para manter sua qualidade e integridade das cargas em nossos terminais.”

Essa licença é um importante diferencial da Wilson Sons Logística. A Eadi Suape é o único terminal alfandegado de Pernambuco com permissão para armazenar a carga. A companhia já está familiarizada com a movimentação de cargas químicas, já que possui permissão semelhante na filial do Sudeste – a Eadi Santo André.

Sobre o Grupo Wilson Sons

O Grupo Wilson Sons é um dos maiores operadores integrados de logística portuária e marítima e soluções de cadeia de suprimento no mercado brasileiro, com mais de 175 anos de experiência. A companhia conta com uma rede de atuação nacional e presta uma gama completa de serviços para as empresas que atuam na indústria de óleo e gás, no comércio internacional e na economia doméstica. As principais atividades do Grupo são divididas em dois sistemas – Portuário e logístico e Marítimo.


Fonte: Wilson Sons