Notícias

10/9/2015 - Josapar movimenta ao todo 27% do volume de mercadorias pela cabotagem

Com a movimentação de 4.850 contêineres no modal em 2014, Roberto Vargas, gerente de logística da Josapar, ressalta a importância do modal para a movimentação da mercadoria e a parceria com o Tecon Salvador, que tem sido o terminal responsável pela operação. “Ao todo, 27% do volume da nossa empresa é movimentado pela cabotagem e nas nossas operações, estão incluídas outras opções, como a ferrovia, que faz o transporte do arroz entre Uruguaiana e o Porto do Rio Grande, por exemplo”, conta. 



Segundo Vargas, um dos principais pontos positivos da cabotagem é a economia no custo do transporte, no frete, o menor índice de avaria, roubo ou acidente, facilidade de rastreabilidade, regularidade nas escalas e disponibilidade de equipamentos. “Antes de 2014, era difícil ter disponibilidade de janelas e regularidades, mas este entrave foi superado, o que acaba atraindo mais embarcadores”, disse o executivo.



www.portocabotagem.com.br. No site, é possível, ainda, ter acesso a um estudo exclusivo sobre este meio de transporte.


Fonte: Conexão Marítima