[X]
[X]
[X]
[X]
[X]
[X]

Notícias

16/10/2016 - Wilson Sons recebe reconhecimento por Segurança Operacional

O Grupo Wilson Sons recebeu um importante reconhecimento da DuPont, empresa referência mundial na gestão de Riscos Operacionais. As duas companhias são parceiras no desenvolvimento do programa WS+, que visa à mudança cultural dos colaboradores da Wilson Sons. A partir da sua implementação, em 2011, a taxa de acidentes com afastamento já caiu 97%.

“Temos muito o que agradecer à DuPont por essa parceria, que trouxe know-how e método para a gestão de segurança da Wilson Sons. Aprendemos nesse período que não podemos nos dar por satisfeitos quando o assunto é segurança, e que o acidente zero é possível”, declara o CEO do Grupo Wilson Sons, Cézar Baião.

O diretor de Negócios e Operações da DuPont, Marco Grandchamps, responsável pelos setores de Heavy Industry, Infraestrutura e Logística, explica que a homenagem foi motivada pelo avanço cultural que ocorreu nos últimos anos. “Nosso foco é na estabilidade das operações e isso requer segurança consistente, disciplina operativa. Para este reconhecimento selecionamos empresas que primam por um trabalho sistêmico e estruturado em detrimento das que focam apenas em ações pontuais”, diz o executivo. Ele conta que, além da Wilson Sons, apenas outras cinco empresas brasileiras receberam reconhecimento semelhante.

Essa não é a primeira vez que a Wilson Sons é reconhecida pela DuPont. Antes, a companhia recebeu o Prêmio Dupont por quatro anos consecutivos (2012 a 2015), tornando-se a maior vencedora da premiação, na categoria de Gestão em Saúde e Segurança do Trabalhador.

“Estar entre os premiados por esses quatro anos e agora esse reconhecimento espontâneo mostrou a consistência e a evolução do trabalho que realizamos na Wilson Sons. Vamos continuar trabalhando intensamente para garantir a segurança das pessoas e padrão de excelência na área”, comenta o gerente corporativo de Saúde, Meio Ambiente, Segurança e Sustentabilidade da Wilson Sons, João David Santos.

O trabalho em segurança foi intensificado na Wilson Sons a partir de 2011, quando o piloto do WS+ foi implementado na Wilson Sons Estaleiros. Com o sucesso dessa primeira etapa, a companhia expandiu para seus demais negócios. O resultado foi muito expressivo: a taxa de frequência de acidentes com afastamento caiu de 7,14 em 2010 (o equivalente a 7,14 acidentes para cada 1 milhão de horas-homens trabalhadas) para 0,22 em agosto de 2017.

Como consequência desse aprimoramento em segurança, a companhia passou a premiar no ano passado seus negócios que chegaram à expressiva marca de 2 milhões de horas-homens trabalhadas sem acidentes com afastamento. Brasco, Wilson Sons Estaleiros, Wilson Sons Rebocadores, Corporativo e Tecon Rio Grande foram homenageados pelas conquistas, este último por duas vezes.

Marco Grandchamps diz que a DuPont espera que esse gesto sirva de estímulo para que a Wilson Sons continue aprimorando suas práticas em segurança, mais ainda, avançando no conceito da cultura de operar seguro.

“Trabalhamos para deixar uma marca importante para que a empresa aumente cada vez mais seu compromisso com o tema e olhe sempre para frente, na busca da excelência sobre como operar de modo seguro. A Wilson Sons está na vanguarda na realização de um trabalho neste formato em seu segmento para o mercado brasileiro e já evoluiu muito como um todo. Como próximos passos pode explorar ainda mais as oportunidades de reforço sistêmico, identificando profissionais e negócios que têm ainda o desafio da melhoria contínua, para que todos cheguem e se mantenham no mais elevado patamar, consolidando as bases de um negócio de fato sustentável”, conclui o executivo da DuPont.


Fonte: Portal Maritimo