Notícias

21/8/2020 - Governo Federal cria o projeto

Governo Federal cria o projeto "Rodovia do Mar" que pode beneficiar a Bahia

 

Está tramitando no Congresso Nacional em regime de urgência,  projeto do governo Federal que cria o programa BR do Mar, ou Rodovia do Mar, um programa de  incentivo ao uso da cabotagem como meio de transporte, com potencial para ampliar para a 2 milhões a quantidade de contêineres transportados por ano no Brasil até 2022. O projeto chama-se “Rodovia do Mar, pois a cabotagem é um meio de transporte de custo muito mais baixo que as redovias, sem problemas de trânsito e utilizado em larga escala no mundo todo.



Se aprovado, a Bahia vai ser fortemente beneficiada, já que possui um terminal portuário especializado em containêres, o Terminal Portuário de Salvador – Tecon/Salvador, que tem ampliado sobremaneira as operações com cabotagem. A Tecon/Salvador, que pertence ao grupo Wilson Sons, vem ampliando suas operações de cabotagem e entre janeiro de dezembro de 2019, a movimentação geral de contêineres no Porto de Salvador bateu todos os recordes com movimentação de 211.540 contêineres, 4% a mais que o praticado em 2018, quando o resultado chegou a 203.979 contêineres.



O Projeto de Lei de incentivo à cabotagem reduz custos e burocracia e tem como objetivo  como objetivo aumentar a oferta da cabotagem,  ampliar o volume de contêineres transportados, por ano, de 1,2 milhão de TEUs (unidade equivalente a 20 pés), em 2019, para 2 milhões de TEUs, em 2022, além de ampliar em 40% a capacidade da frota marítima dedicada à cabotagem nos próximos três anos, excluindo as embarcações dedicadas ao transporte de petróleo e derivados

A cabotagem é a navegação entre portos ou pontos da mesma costa de um país. É um modo de transporte seguro, eficiente e que tem crescido mais de 10% ao ano no Brasil, quando considerada a carga transportada em contêineres.

 

 

 



Fonte: Wilson Sons